sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Dêem valor para as Escrituras

  
“Temo que muitos de nós corram de um lado para o outro o dia todo e não dêem valor para as escrituras. Lutamos para cumprir compromissos com médicos, advogados e empresários, contudo, não hesitamos em adiar nossas entrevistas pessoais com o Senhor—e adiamos o estudo das escrituras. Não é de admirar que nossa alma fique anêmica e perca a direção na vida. Quão melhor seria se planejássemos e cumpríssemos quinze ou vinte minutos por dia de leitura das escrituras. Essas entrevistas com Deus nos ajudariam a reconhecer Sua voz e a receber orientação para todos os nossos afazeres. Devemos olhar para Deus por intermédio das escrituras.” (Conference Report, outubro de 1978, p. 79; ou Ensign, novembro de 1978, pp. 53–54.)